CoutoCast 33: Esqui

No Programa de hoje do CoutoCast, eu, Eduardo Couto, faço o último programa dedicado a um esporte da série sobre as olimpíadas de inverno, o esporte deste programa é o Esqui! Em Janeiro sai o último programa da série dedicado especificamente a olimpíada de inverno de 2018!

Então, sente-se confortavelmente, ponha o seu fone de ouvido e desfrute do vento gelado do inverno!

Ahhh, antes de ouvir não esqueça de Assinar o Feed e receber todos os CoutoCast no seu agregador, e Bom Programa!

Escute dando o Play no player abaixo ou fazendo o Download Aqui!

Na Playlist deste programa:

  1. Idina Menzel Ft Michael Bublé – Baby Its Cold Outside
  2. Belle and Sebastian – The Fox in the Snow
  3. Demi Lovato – Stone Cold
Anúncios

CoutoCast 30 – Snowboard

No Programa de hoje do CoutoCast, eu, Eduardo Couto, volto a falar sobre olimpíadas de inverno, o esporte da vez é o Snowboard.

Então, sente-se confortavelmente, ponha o seu fone de ouvido e desfrute de um vento gelado!

Ahhh, antes de ouvir não esqueça de Assinar o Feed e receber todos os CoutoCast no seu agregador, e Bom Programa!

Escute dando o Play no player abaixo ou fazendo o Download Aqui!

Na Playlist deste programa:

  1. MGMT – Kids
  2. Darwin Deez – Radar Detector
  3. Faded Paper Figures – Small Talk
  4. Grits – My Life Be Like

Memórias de Um GP: Brasil

O GP Brasil de F1, é uma das etapas mais tradicionais do calendário de F1, estando no calendário oficial do mundial desde 1973, tendo uma etapa em 1972, fora do calendário oficial, e é disputada em Interlagos ou Autódromo José Carlos Pace (oficialmente falando), tendo etapas que ocorreram no Rio de Janeiro (1978 e de 1981 à 1989), no Autódromo de Jacarepaguá

O GP Brasil nasceu com 7,960 metros e em 1979, passou a ter 7.873 metros.

O Registro do Primeiro GP Fica a cargo de Cid Moreira e o saudoso canal 100:

O Luciano do Valle, também chegou a narrar o GP Brasil, pela TV:

Vale o Registro do Rádio na F1 nos anos 1970, na rádio Globo um dos principais narradores foi Edson Mauro, aqui o registro é do GP da Holanda de 1976:

Nos anos de 1980, as corridas ocorreram em Jacarepaguá, em um circuito de 5.031 km, 11 curvas e 61 voltas.

Aqui um dos primeiros registros do Galvão Bueno narrando um GP Brasil pela TV Globo:

Em 1986, Nelson Piquet foi vitorioso e teve sua vitória narrada na Jovem Pan por Nilson César

Já em 1990, a reforma mais abrupta da história do circuito – que trouxe o Grande Prêmio de volta ao Brasil – fez com que a pista diminuísse seu comprimento em 3.548 metros, ficando com 4.325 metros. No ano de 2000, a pista foi adaptada para sua atual extensão de 4.309 metros, contendo 15 curvas a serem feitas em suas 71 voltas.

Em 1991, Ayrton Senna vencia o GP Brasil e tinha sua vitória narrada por Nilson César, na Jovem Pan:

Oscar Ulisses na Rádio Globo:

E Éder Luiz na Rádio Bandeirantes:

Em 1993, foi a vez de Luís Roberto narrar o GP Brasil pela Rádio Globo:

Finalmente chegamos ao novo milênio e em 2000 foi a primeira vez de Barrichello, correr o GP Brasil guiando pela Ferrari. Em 2003, o GP Foi interrompido 17 voltas antes do fim devido a um acidente entre Fernando Alonso e Mark Webber. No Ano Seguinte, 2004, o GP Brasil foi movido do início para o final da temporada da F1, tendo Barrichello no pódio, em um GP vendido por Juan Pablo Montoya, seguido por Kimi Raikkonen.

No ano de 2006, foi a despedida de Schumacher da categoria, em um GP marcado pela vitória do Felipe Massa e o título de Fernando Alonso.

Um dos narradores que contaram a história desta corrida foi Téo José pela Jovem Pan:

Em 2007, Kimi Raikkonen, Lewis Hamilton e Fernando Alonso disputavam o título no Brasil e Raikkonen venceu e ganhou o campeonato, seguido de Massa, com seu segundo Pódio seguido no Brasil, e Fernando Alonso em terceiro.

Em 2008, foi o ano que o Massa recebeu a bandeirada Campeão e chegou no Pódio sem o Título, essa história foi contada por Téo José  na Jovem Pan:

Tendo essa abertura na Rádio Bandeirantes:

No ano de 2009 Button confirmou o título ao chegar em quinto lugar, em 2010 Sebastian Vettel e Mark Webber fizeram dobradinha para a Red Bull e disputaram o título em Abu Dhabi, e em 2011 Massa festejou sua centésima corrida.

A Bandeirantes teve esta abertura de transmissão para o GP Brasil de 2011, o comando é de Odinei Edson:

Em 2012, Oscar Ulisses fez esta análise pré corrida:

A corrida teve a vitória de Jenson Button.

Em 2013 foi a vez de Sebastian Vettel vencer o GP Brasil.

Odinei Edson contou a história da corrida pela Radio Bandeirantes/BandNews/Odnei Edson:

Em 2014, novamente, Odinei Edson contou a história da corrida pela Radio Bandeirantes/BandNews/Bradesco Esportes:

Em 2015 foi o ano da última transmissão até a presente data da CBN/Rádio Globo de um GP Brasil e de um GP de F1, a transmissão teve a narração de Oscar Ulisses:

Ainda em 2015, Odinei Edson narrou pela Radio Bandeirantes/BandNews/Odnei Edson:

E por último o registro de 2016, com somente uma emissora de rádio transmitindo o GP Brasil, a cobertura de Odinei Edson e equipe pela Radio Bandeirantes/BandNew/Bradesco Esportes:

E assim só me resta desejar um bom GP a todos os “Cabeças de Gasolina” e uma ótima transmissão aos repórteres e equipes técnicas e narradores, além de todos os envolvidos neste espetáculo que é a Formula 1!